Galaxy S21 FE entra na festa da One UI 6.1: atualização já disponível!

Lê o resumo

Lê o artigo completo

A Samsung surpreendeu os fãs da linha Galaxy ao liberar, mais cedo do que o esperado, a atualização One UI 6.1 para o Galaxy S21 FE.

A novidade já está disponível nos Estados Unidos para utilizadores da T-Mobile e deve chegar em breve a outras operadoras e países.

Image 7

Atualização traz melhorias, mas sem IA avançada

A One UI 6.1, lançada originalmente com a série Galaxy S24, traz uma série de melhorias e novas funcionalidades para o S21 FE.

No entanto, quem esperava recursos avançados de Inteligência Artificial, como o “Transcript Assist” presente no gravador de voz dos modelos mais recentes, pode se dececionar.

A atualização inclui apenas o “Circle to Search” do Google como principal novidade em termos de IA.

Samsung Galaxy S24 Fe

Expectativa para outros modelos e regiões

Após o lançamento para o S21 FE, a expectativa é que a Samsung comece a liberar a One UI 6.1 para dispositivos intermediários, como o Galaxy A54 e A53. A empresa ainda não confirmou oficialmente a data, mas rumores apontam para os próximos dias.

Como obter a atualização

Se tu tens um Galaxy S21 FE nos Estados Unidos e és cliente da T-Mobile, podes verificar a disponibilidade da atualização acessando as configurações do teu smartphone, selecionando “Atualização de Software” e tocando em “Baixar e instalar”.

Caso a atualização ainda não esteja disponível para ti, não te preocupes, pois o lançamento é feito em fases e deve chegar a todos os utilizadores em breve.

Recomendações antes de atualizar

É importante lembrar que alguns utilizadores da linha S22 relataram problemas após a atualização para a One UI 6.1.

Portanto, antes de instalares a atualização no teu S21 FE, é recomendável que faças um backup dos teus dados e sigas as orientações da Samsung para evitar possíveis transtornos.

Pontos principais:

  • Lançamento da atualização One UI 6.1 para o Galaxy S21 FE.
  • Disponibilidade inicial nos Estados Unidos para usuários da T-Mobile.
  • Ausência de recursos avançados de Inteligência Artificial.
  • Expectativa de lançamento para outras operadoras e regiões.